quarta-feira, 25 de junho de 2008

A Mulher Que Todas Queríamos Ser.

Podem me chamar de obcecada ou qualquer coisa do gênero, mas foi com extremo pesar que recebi a notícia da morte da brasileira mais formidável dos últimos tempos. Ela sim era uma mulher de verdade. Aqui.

7 comentários:

Anônimo disse...

meusdeusdocéu!
o que é que todo mundo via nela???
:)

Guilherme disse...

pois é... não sei muito sobre ela.
espero que tenha se saído melhor que o marido...

Junges disse...

Eu não queria ser a Ruth.


P.S.: Reza a lenda que o apelido do Ceñor Paranhos vem dos seus tempos de dançarino. Era isso o que rolava na "boca-miúda" nos meus tempos de Anchieta.

Anônimo disse...

yay, mais um blog para eu comentar anonimamente :)

regina disse...

queria ser rachel de queiroz :)

whatever disse...

eu queria ser a... não, deixa pra lá

whatever disse...

tá, (quase) acabaram as reavaliações - e tá a hora de atualizar :)